Sejam todos bem-vindos!

Qualquer Coisa é a Mesma Coisa é uma série de publicações próprias e algumas divulgações, quando não faço nada, ponho alguma coisa por aqui, que, talvez, ninguém ou poucos as leiam.

Recomendo o uso dos marcadores a direita de sua tela, ok?
Boa Leitura!! Se não quiser ler, apenas olhe... Comente...

terça-feira, 15 de fevereiro de 2011

“Se tiver com tempo de sobra, não vai dar certo, pois é bom pra ler bem rápido...”


Seja bem-vindo ao espetáculo principal propício a primeiramente protótipo pra prestigiar o prefixo-predicado do problema propositalmente proposto: transei três pratos de trigo pertencentes a três tigres tristes e bêbados... Trouxe-me transtornos triplicados com isso? Não. Já ouvi que “se é de bebo não tem dono, todo mundo pode usar, o caba que ficar bebo de nada vai se lembrar”, né seu Bené?
Então achei, não lembrei e na hora lembrei que estava na lei, mas aí pintou um pinto piador e pindaibeiro, piando que o prato pertencia a ele. Pra piorar, piou pra mim que o roubei debaixo da pia pra presentear os tigres tristes e treze dias traçados tramara-lhes uma  trapaça traiçoeira. Cortei o piadeiro do pinto pinguço conduzindo-o a um copo de cana e calado se colocou comandado pela crença cachaceira... afff!!!!
Ele queria com uma mentira mesquinha pra conseguir a merenda na mesa do bar.

2 comentários: