Sejam todos bem-vindos!

Qualquer Coisa é a Mesma Coisa é uma série de publicações próprias e algumas divulgações, quando não faço nada, ponho alguma coisa por aqui, que, talvez, ninguém ou poucos as leiam.

Recomendo o uso dos marcadores a direita de sua tela, ok?
Boa Leitura!! Se não quiser ler, apenas olhe... Comente...

terça-feira, 15 de março de 2011

-Insopiração-


Eu não nasci/ no sertão/ mas valorizo
Todo aquele sacrifício
Que vieram me botar

Pois meus pais/ tiveram vida sofrida
Muito impasse nessa vida
Meus avós hão de falar

E eu que vivo /nessa paz desenvolvida
Me esqueço da doutrina
Que ensinaram-me a trilhar

Mas só que eu /misturei tudo isso
E no mei desse furdiço
Preferi (ex) perimentar

Minha vó já me dizia pra sair sem me molhar
Mas a chuva é minha amiga e eu não vou me resfriar
A serpente tá na terra; o programa tá no ar


E a formiga só trabalha, porque nunca aceitará
A formiga só trabalha, porque nunca aceitará
A formiga só trabalha, porque nunca aceitará
A formiga só trabalha, porque nunca aceitaráaaaaa!!!!!!

A arte!!!
A arte!!!!
A arte!!!
A arte!!!
(nunca aceitará!) A arte!!!
(nunca aceitará!) A arte!!!
(nunca aceitará!) A arte!!!
(nunca aceitará!) A arteeeeeeeeeeeeeee!!!

A minha mãe / tão louca sempre dizia
Qualquer coisa é a mesma coisa
E tu deve aprender

A ignorância / não é fruto de esperança
Pra equilíbrio da balança
Você tem que perceber

Olha meu filho / se tu não ouve o meu grito
É porque maturidade
Cedo você alcançou

As vezes errou / mas quem não erra acerta
E nessa vida incerta
É feliz quem já tentou

Minha vó já me dizia pra sair sem me molhar
Mas a chuva é minha amiga e eu não vou me resfriar
A serpente tá na terra; o programa tá no ar

E a formiga só trabalha, porque nunca aceitará
A formiga só trabalha, porque nunca aceitará
A formiga só trabalha, porque nunca aceitará
A formiga só trabalha, porque nunca aceitaráaaaaa!!!!!!

A arte!!!
A arte!!!!
A arte!!!
A arte!!!
(nunca aceitará!) A arte!!!
(nunca aceitará!) A arte!!!
(nunca aceitará!) A arte!!!
(nunca aceitará!) A arteeeeeeeeeeeeeee!!!
 Ronerik Holanda

2 comentários:

  1. pra traduzir um pensamento
    em cabeça de cimento
    que critica um bom momento
    que, por vezes, quer brigar
    eu não quero me espelhar
    nesse mundo de loucura
    onde o ódio é fartura
    onde poucos sabem amar

    ResponderExcluir
  2. Nada melhor que comentar na mesma linguagem literária. Parabéns =)

    ResponderExcluir